Rappin Hood participa de campanha da CBF contra o preconceito no futebol

Neste domingo (20), no final de semana de estréia do Campeonato Brasileiro 2014, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) lançou a “Somos iguais”, nova campanha contra o preconceito no futebol.

Embora tenha sido inspirada pelos recentes atos de racismo, a ação tem como objetivo “a conscientização e o repúdio sobre qualquer ato de preconceito, seja racial, econômico, religioso, social, sexual, entre outros”.

Para a divulgação foi feito um vídeo com os jogadores Alexandre Pato, Ralf, Réver, Arouca, Tinga, Ramiro e Alan Kardec, o árbitro Márcio Chagas da Silva e o Rappin Hood.

Corintiano, o rapper costuma se envolver com projetos sociais na área esportiva. No ano passado, levou crianças carentes ao “Dia das crianças” do seu time do coração e o representou no Teleton 2013.

De acordo com o Estadão, além do vídeo, a “Somos iguais” ainda terá aplicativo para denúncias, locução no início das partidas, placas de publicidade e faixas personalizadas nos estádios.

A divulgação da campanha ocorrerá nas séries A e B do Campeonato Brasileiro de 2014 e também nos dois amistosos que a seleção brasileira fará antes do início da disputa da Copa do Mundo.

Vi no Estadão.

seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.