Petter MC critica tratamento da imprensa a recentes casos de morte na periferia em novo clipe

Na última quinta-feira (15), Petter MC lançou o clipe da música “Os bico vão fazer barulho”, dirigido por ele próprio.

Depois de publicar uma carta-aberta criticando um texto de Felipe Moura Brasil à Veja, que acusava DG, o dançarino do programa Esquenta! que foi morto recentemente, de estar envolvido com o tráfico, o rapper resolveu levar a questão para suas letras.

Mas, junto com a produção audiovisual, menciona também outros casos de mortes na periferia que tomaram proporções nacionais, como a do Amarildo e da Cláudia, arrastada por viatura policial por 250 metros.

“Com a facilidade de acesso que temos aos gadgets cada vez mais conectados, não podemos continuar passivos em relação a mídia. Sinceramente, cada um de nós com um smartphone na mão poderá ser a sua própria mídia”, explica Petter as alusões a armas feitas no clipe, demonstrando todo poder desses itens.

A produção musical é de Léo da XIII.

Abaixo cê confere a letra da música:

https://www.youtube.com/watch?v=Rcn-P8aCU0U

Os amigo tão bolado tudo com ódio na veia
Veja, essa mídia que só fala coisa feia
Veja, que absurdo, nem conhece a favela
Nunca passou um dia de veneno na viela

Pra poder interpretar, ou mesmo compreender
(Vai vendo) Translitera nossa gíria sem saber
A linguagem é estética e consigo traz afeto
Comédia não se liga que aqui o papo é reto

E o bonde tá pesadão, só os fechamento
Os fiel tão na escuta fazendo o movimento
Geral na contenção portando os armamento
As peças dual core faz o compartilhamento

Do pensamento crítico, metodológico
Esculacho no bagulho dizer que sou apológico
Autor mercadológico, mal sabe escrever
Inconsistente argumento sobre eu e você

Levanta os bico pro alto, faz barulho
Levanta os bico pro alto, faz barulho
Se tá mermo envolvido, é amigo, faz barulho
Levanta os bico pro alto, faz barulho (2x)

A treta tá formada, ó só que situação
Bota a cara na pista jornalista de redação
Se liga na responsa que os menó vão brotar
Um rolezinho no lugar que cê costuma comprar

Preto, pobre, criminoso, favelado
Quatro adjetivos que caminham lado a lado
E se morrer baleado pela mão da polícia (vish)
Sem neurose, vai dar ruim pra perícia

Malícia na mente de quem forja o flagrante
Atira, põe arma não, diz que é traficante
Atira, põe na caçamba, arrasta na avenida
Embica na esquina e banaliza uma vida

Que se perde na favela e se ganha no jornal
Apológia? Sabe de nada, inocente!
Tudo 2 por aqui, observando geral
É correria? Cola na linha de frente

Levanta os bico pro alto, faz barulho
Levanta os bico pro alto, faz barulho
Se tá mermo envolvido, é amigo, faz barulho
Levanta os bico pro alto e faz barulho (2x)

Só quem fecha fecha com os amigo, disposição é o perigo
Faz barulho, faz barulho, faz, faz barulho

Levanta os bicos pro alto e faz barulho

seja o primeiro a comentar

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.