Galf, Lukas Kintê, Márcio MU e Diego 157 lançam a música “C.L.A.N.”

Atualizado em 13/01/2014

Na última sexta-feira (10), direto da Bahia, Galf, Lukas Kintê, Márcio MU e Diego 157 lançaram a música “C.L.A.N.”.

De acordo com o grupo, o som significa “Covil de Lobos Assassinos e Neuróticos”.

Letra:

Refrão

Clan 157, a cria rebelde
Do subúrbio aos alagados sem maquiar o Rap
Click, cleck, o plano já foi bolado
Tamo na cena mesmo que é pra tomar de assalto (2 X)

G.A.L.F

A vida é arte aqui nego então é sem complô
Pilantra que pocou, se foi pra mim errou
Na cena polícia, colete, propina, os junkie na fita, favela agoniza
Farinha corisa, os olhos de Shiva que ganha a colina
A trupe que lima safado que encena na pista
Teatro de cú é pica, cada um que assuma sua cisma
O córrego fétido inspira a fuga contra a liturgia
Se quer falar de família não é sangue é sintonia.

Lukas Kintê

Da Suburbana, um salve pros Piva que tá em cana
Que se fez na grana fumando marijuana
Madrugada em campana enraiando putz
Coçando a garganta, e os caras de 300 Honda
O que cê tá olhando boy, quer ser como nós, ô, ô…
Baixa a bola que as paty viajou quer dar pra nós
E a visão pega, cega quem nega a favela
Puta merda miséria invadindo não chora a onda é a vera.

Márcio M.U

Pit Bull que não sai de cima, os dentes na carne minha rima
Saliva com sangue, coração pulsante já sinto aquela brisa
Então pega… Então pega!
Passaram passando o buldog que morde chassi raspado mais um que fina
Na beira da esquina morreu de quina pivete mais rápido ensina
Aqui se faz aqui se paga segunda chance queria
Uma vida melhor, uns pano que só te deram esgoto e só
Acredita então, pega a visão suor e trampo irmão.

Diego 157

Vim da alcatéia plebéia compondo epopéia, assumo a idéia que fiz
C.B.X conceito na rua também lá no X
Vários covis anti-gentis
A braba que brada em cada levada afiada fodam-se os sutis
Linhas viris há quem maldiz
E eu nem aí se o Rap daqui não agrada perfis
Fiz com lobos que são loucos e na selva agem por instinto
Não minto, só bicho faminto
Um brinde de tinto saúde aos nossos
Fala que é noiz que o resto é só destroços

Refrão

Clan 157, A cria rebelde
Do subúrbio aos alagados sem maquiar o Rap
Click, cleck, o plano já foi bolado
Tamo na cena mesmo que é pra tomar de assalto (2 X)

seja o primeiro a comentar

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.