Em frente à sede do Poder Executivo, Emicida protesta: “foda-se vocês, foda-se suas leis”

Atualizado em 03/01/2014

Na última segunda-feira (13), foi disponibilizado o vídeo do show do Emicida no aniversário de Brasília, logo em frente ao Palácio do Planalto, sede do Poder Executivo Federal do país.

No vídeo, o rapper aparece criticando principalmente o extermínio indígena e cantando a música “Dedo na ferida“, que foi lançada em 2012 em protesto às ocupações policiais.

“Ontem, ‘Dia do Índio’, os índio tudo sendo exterminado nessa porra de país e ninguém fala nada; inclusive, aqui, certo? Eu colei no santuário dos pajés; não vi na Internet, ninguém me falou. Eu vi várias etnias sendo mortas e os caras chorando sem apoio de governo, sem apoio de polícia, sem apoio de ninguém. Que porra de justiça é essa?”, questionou o rapper antes de pedir que todos levantassem o dedo do meio e bradassem em coro o refrão da música: “Foda-se, vocês! Foda-se, suas leis!”.

Ainda em 2012, logo após um show em Belo Horizonte, em uma das primeiras (se não a primeira) vezes que cantou a música ao vivo, Emicida teve que se explicar para a polícia ao ser detido na saída da apresentação. Mais recentemente, o rapper, sem mudar o refrão crítico, apresentou-a em show ao vivo no VMB, ao lado do Rashid.

OBS: muita gente reclamou da falta de retorno do público ao protesto. Entretanto, vale lembrar que isso se deve possivelmente à captação de áudio estar somente no palco, tornando mais difícil qualquer som de fora ser ouvido.

seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.