Artista: Shaw | Página 2 de 3 | Vai Ser Rimando
Artista

Shaw

Dario

Dario divulga lista de músicas de álbum com inéditas de Kamau, Emicida, Shaw, RAPadura e mais

por

Na última sexta-feira (21), Dario divulgou a lista de músicas de seu álbum “Primeiro impacto”, que contará com mais de 20 participações. O produtor curitibano é um dos mais respeitados do Brasil e preparou um seleto time para a sua primeira compilação oficial. Além da alta qualidade, ele também fez  uma bonita mistura geográfica. Do seu estado, Savave, Cabes, Luis Cilho, Bigorna, além dele próprio; do Rio Grande do Sul, DJ Madruga; de Santa Catarina, Menor; de São Paulo, Xis, Elo da Corrente, Kamau, Emicida, Rashid, Ogi, DJ Caique, Terra Preta, Espião, DJ Erick Jay, DJ Nato PK, DJ Nyack; do Rio de Janeiro, Shaw, Gutierrez, Xará; do Ceará, RAPadura e Don L. Ao total, serão 18 faixas inéditas (algumas (…)

Fala mais

Flow, Bitrinho e Shaw no clipe Chá de Quebra

Flow lança clipe “Chá de quebra” com participação de Shaw

por

Nesta quarta-feira (19), Flow lançou o clipe da música “Chá de quebra”, que contou com a participação do Shaw, a direção de Miguel Rivero & Alex Arone e a produção musical de Lucas Beatmaker. Na conexão das quebras de SP e Rio, a dupla pesada fez estremecer tudo, até as câmeras que fazem cê se sentir na brincadeira. E a reunião só podia ser comemorada com festa e fumaça; tem muita erva nesse chá! “Chá de quebra” integra a mixtape “SensaFLOWnal”, lançada pelo rapper em 2012.

Fala mais

Flow, Bitrinho e Shaw no clipe Chá de Quebra

Flow divulga teaser de clipe com participação do Shaw

por

Nesta segunda-feira (10), Flow divulgou um vídeo-teaser do clipe da música “Chá de quebra”, que conta com a participação do Shaw. Dirigido por Miguel Rivero & Alex Arone, o trabalho está previsto para ser lançado na próxima quarta-feira (19). “Chá de quebra” integra a mixtape “SensaFLOWnal”, lançada pelo rapper em 2012.

Fala mais

100 RAP, do Zero Grau Kingz, Shaw e Pok Sombra

Zero Grau Kingz lança clipe “100 RAP” com participações de Shaw e Pok Sombra

por

Na última segunda-feira (23), o Zero Grau Kingz lançou o clipe da música “100 RAP”, que contou com a direção de Luis Cilho, as participações de Shawlin e Pok Sombra, e a produção musical do Dario. Com imagens de shows e bastidores, os rappers versam principalmente sobre a importância do RAP em suas vidas, afirmando que viveriam praticamente sem tudo, menos sem ele. Pelo coletivo, nesta música, rimam Ant, Cabes, Luis Cilho, Hurakán, Bigorna e Nairobi. No total, são 12 rappers e produtores da cidade de Curitiba; além dos já citados, Leo Spektrum, Laudz, Nave e Cadelis também estão na parada. “100 RAP” foi gravada no estúdio Track Cheio pelo Cabes, que também mixou os vocais; a masterização é do próprio Dario.

Fala mais

Cachorro Magro

Shaw reincorpora Cachorro Magro e lança segundo single do “EP do Vilão”

por

Nesta terça-feira (3), Shawlin voltou a ser Cachorro Magro para o lançamento do segundo single do CD “O inferno do Cachorro Magro (O EP do vilão)”, intitulado “Late igual cachorro”. A adesão à nova alcunha começou em julho, quando o rapper lançou “Fim”, o primeiro single do novo trabalho; já que aquele foi marcado pela “morte de Shaw”, este marca, talvez, a primeira real aparição do Cachorro Magro. “Late igual cachorro” foi produzida por André Laudz, assim como deve ser o restante do CD (exceto a já mencionada “Fim”, que foi produzida pelo próprio Shaw ou pelo Cachorro Magro).

Fala mais

Shawlin

Shawlin publica nota sobre cachê e preço dos ingressos: “nunca reclamaram com a AmBev o preço das cervejas nas boates”

por

Na última terça-feira (24), Shawlin publicou uma nota em seu Facebook sobre uma temática já antiga no RAP Brasileiro: a valorização monetária do trabalho do artista. Afirmando ter tido que arranjar um outro emprego, pois o RAP não lhe dava dinheiro suficiente para “levar uma vida digna”, o rapper criticou aqueles que acreditam que a música não pode ser também lucrativa para o artista, visto que ele faz por amor. “Tenho visto freqüentemente (por uma interpretação errônea do que a MINHA geração pregava) se difundir a política do pé rapado, como se fazer RAP não fosse profissão, como se não se devesse viver de música, como se eventos de RAP não devessem evoluir, como se fazer por amor fosse fazer (…)

Fala mais

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com