CG.ZOO lança “Tão Singelo”.

Nesta Sexta-Feira (10), a banca paraibana CG.ZOO (Remanescente, indiegente mc, SweetCrack e MNero) lançou a música “Tão Singelo” que contou com a produção musical de BESTA INCA (Fbc REC Studio).

A música que faz uma crítica a falta de comprometimento de alguns “integrantes” da cultura HipHop foi comentada por um dos Mcs da banca: “… é voltar as raízes do Hip Hop, desconstruir esse rep de plástico feito pra ser produto e não parte de uma cultura de identidade das ruas, saca?! Muitos caras se dizem do rep nem sabem muitas vezes a história da cultura, seus fundamentos por que ele surgiu? em que contexto e tal? Não tem compromisso com a cultura, muito menos com o movimento…”.

Letra

Refrão

Eu me congelo no tempo (tão singelo quanto)
Física quântica (sem demônio ou santo)
Dessalinizo a lágrima (mato a sede no pranto)
Esse planeta é magma (e pesa tanto nos ombros)

IndiegenteMC

Teoria do caos, Indigesto sigam-me os maus
pensador tal, epíteto Galileu, Galalau
nenhum vai tomar o que é meu, tipo efeito borboleta
a bifurcação de selanor, atrativo estranho
difusor da verdade, vândalo ao cúmulo, maló , efeito dominó
deslocamento, velocidade do meu punho com a sua cara metade
e a outra metade não me encara, teorema Bell e a consequência
puta no horário nobre e audiência
ação e reação teórica de Newton
causa e efeito, então melhor baixar o tom
não esqueira que tá curto o pavio
tio, só os verdadeiros vão passar na boca do funil
cala boca iss’aqui é Paraíba! Brasil!
I love Mary Jane, OfCourse!
você quer promove fofoca então escuta essa do meu **
eu rimo em braille, até em código morse
e os meus heróis não morreram de overdose
Grave bate pesado como guerreiro de Tróia
eu não me misturo feito mineral e Soya
Esse atropelo vai pra quem em chamou de nóia
Só por que eu brilho mais que tumalina, paraíba, linda jóia

Refrão

Eu me congelo no tempo (tão singelo quanto)
Física quântica (sem demônio ou santo)
Dessalinizo a lágrima (mato a sede no pranto)
Esse planeta é magma (e pesa tanto nos ombros)

NeroEmi

Remi Rima o remanescente, através do mar de gente
que não entendem a coletivamente
se sente consciente, perante o presente
se esquece do passado, logicamente
o futuro não nos pertence
é bom que se lembre antes que eu esqueça
aquela letra, que não soluciona as tretas
não é a meta, tem de dá idéia certa pra abrir a cabeça
Como a escola num fim de semana
Atitude que emana do sorriso da criança
Discidente fica com a cultura de rua,
muda o mundo, novo movimento em pensamento Hip Hop
do Disc Jockey, do Breaker Boy inicial
o top rock do toast ao mestre de cerimônia
Incêndiando a babilônia, onde andam escritores
de várias cores e grafitam sua dores e seus amores
Na história da humanidade de qualquer cidade
Vamos falar a verdade, nada de arte pela arte
Sem resgate não faz parte so estandarte

A música e parte integrante do novo EP da Banca ainda sem nome ou previsão de lançamento.

seja o primeiro a comentar

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.