Nesta terça-feira (10), Shadow lançou a música “Olha como fala”, que contou com a participação do RET e a produção musical de MãoLee.

No segundo trabalho de sua carreira solo (o primeiro foi “Legião“), o rapper mostra um pouco da sua conduta e dá uma ideia aos faladores pra prestarem atenção no que vão falar, principalmente sobre seu trampo, pra depois não serem cobrados.

“Olha como fala” foi gravada e mixada pelos próprios Shadow e MãoLee, e masterizada por Genio.

Abaixo cê confere a letra e o download oficial da música:

Letra:

Dowsha, Tirré e Mãoli
Rima é coisa séria aqui
Lançamos rap em série
Que na América Latina o clima é quente
Igual o fogo das mina
A linha é fina, o crime é rente

Munição no pente, de pé
A rotina que te ensina a andar pra frente
Fé e disciplina
No tom, desafina pra tu ver mané
Como é a selva que não tem chimpanzé

Trinca os dente e parte
Arte tem mas nem paga um café
“Válvula de escape, né”
Vem com esse papo de futuro
Aqui no submundo é sempre escuro
Jogo duro, sem empate

Puro não dá
Vagabundo mete a napa pra acordar
Um beck pra tentar aliviar
Mete os bacana pra arrumar um qualquer
E vai gastar na Lapa, de rolé
Quem sabe o sabor da vida?

Pixador suicida na marquise
Rimador na batida, sem deslize
Arte bandida
Kamikaze não treme nem ensina
Mantém a disciplina

————-

REFRÃO
Olha como fala
A vala é pra quem vacila
É o crime, não é o creme
Nego treme igual gelatina
Olho por bala, dente por pente
Na mala do opala cê num é tão valente

———–

Filmo tudo em câmera lenta
Pra perceber o que não se vê
Livre e urgente, esse é meu pecado
Sou o meu entorpecente
Sedafo os ciali

Eternizar o presente
Poetas não param jamais
Tenho tudo que preciso
Tenho até mais
Vem dizer, vem julgar
Cê num vai ter o dom
Eu prefiro morrer feliz
Do que viver cheio de razão

Vou gritar aos quatro cantos
Meu lugar ao sol
Ttk, o chão ferve irmão
Então deixa eles falar
Pra quem não sabe onde quer chegar
Qualquer vento serve

REFRÃO

RET
Me ouvir é o de menos
Questionar é o mínimo
Século XXI, mais um filósofo cínico
Sem falar besteira, só o que procede
Aperte o beck, é o Ret
Cuidado com a rasteira

A falta de virtude ameaça
Se esvai como fumaça, tempo voador
São Salvador, asfalto do Catete inteiro
Tô aí passando a ideia
Que ninguém contou

Por favor, algum lugar pra ninguém me irritar
Uma mulher pra trocar, drink bom e cigarro
Ficar leve, aprender a ser só
Já tô precisando cobrar quem me deve

Sem disciplina cê não tem liberdade, irmão
Isso tu só vai aprender mais tarde, morô
Se não entendeu o que eu disse, vou frisar
Ao chegar, melhor ficar na disci

REFRÃO 2X

Não perca mais nenhum post!

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

*