Na última quarta-feira (19), Marcelo D2 cantou e foi entrevistado pelo Jô Soares, no Programa do Jô, da Rede Globo.

Em aproximadamente meia-hora de entrevista, o rapper comentou sobre sua passagem por outros países pra se apresentar, contando que em sua passagem pela Rússia trocou algumas rimas com um rapper local na rua e que se entenderam musicalmente mesmo em línguas bem diferentes.

D2 também falou sobre seu desejo em ser skatista profissional, antes de fazer música. No entanto, afirmou não ter o talento e nem a perseverança necessária para o esporte. Ainda no assunto, relembrou a primeira vez que subiu no palco com o Planet Hemp e disse saber naquele momento que era o que queria fazer da vida; a amizade entre ele e o Skunk, fundadores do grupo, será retratada em filme que deve começar a ser filmado no final deste ano.

“É uma história em cima, basicamente, da frase do Vinícius: a vida é a arte do encontro, apesar de haver tanto desencontro pela vida”, explicou sobre o filme.

Ainda sobre o Planet, o rapper comentou sobre a aposentadoria compulsória do juiz que os prendeu por apologia às drogas; o juiz recebeu propina de um traficante. Por fim, como era de se esperar, o rapper falou bastante sobre o seu novo CD, “Nada pode me parar”, além de cantar várias novas músicas.

Não perca mais nenhum post!

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

*