Na última sexta-feira (3), Sérgio Vaz participou de uma roda de conversa no Festival Literário de Votuporanga (FLIV) com o escritor Marcelino Freire e mediada pelo jornalista Luiz Nadal.

De acordo com publicação feita em sua página no Facebook, entre as diversas perguntas, ele recebeu uma de um jovem sobre o que seria a literatura periférica. Entre uma brincadeira e outra, Sérgio Vaz teria respondido que a literatura periférica é feita por quem mora na periferia; poderia até ser feita por quem é de fora dela, mas não ficaria “bom”.

Não perca mais nenhum post!

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

*