Na última terça-feira (9), o Cartel MCs lançou a música “Queda livre“, com produção de Mr. Break e Daniel Sydens.

Esta foi a primeira música lançada pelo grupo em sua nova formação. Alguns minutos depois, o grupo lançou também a música “Beijo da morte”.

– ATUALIZAÇÃO: Cartel MCs lança CD “Sin City”.

Ambas as músicas integrarão o CD “Sin City”, que será lançado pelo grupo ainda em 2014.

Letra:

Refrão 2x:
Hoje eu vou pular
Queda livre
Hoje eu vou voar
Nesse beat
Hoje é pra zuar, pode chamar elas pra cá
Sem ter hora pra acabar, é o Cartel que tá no ar

(Ber)
Conteúdo inflamável, admirável
Cartel invencível, interminável
Eleva a um nível, imensurável
Inconfundível, inconjugável
Não perecível, ingovernável
Inesquecível, irrecusável
Incorrigível, meu bonde é terrível
No meio da selva o abominável homem das neves
Muito cuidado com a branca de neve
Minha banca é febre
Tarantino, Scorsese
Joga porrada na pista que ferve
Vivo o underground mais sujo do rap
DirtySouth, Trap, Boom bap
Voa nas track, modelo de snapback, suicidal é click clack
Na cara do sistema, abre a janela nóis voa na cena
Pega as morena no pick cinema 
Só os mais loucos do ecossistema 
Sem paraquedas nóis brinca no tema
É só fazer o telefonema
Pablo Escobar que manda no bar
Pode esquiar só não pode roubar

(Funkero)
3, 2, 1, se joga
Em queda livre, sem paraquedas reserva
Queimando erva, um copo de cerva
E uns vacilão hoje vão ver merda
Dançando em frente do abismo
Minha tendência é suicida
Minha rotina é bandida
Tenho medo da vida
Até a hora que o galo canta, tirar o grito que ta na garganta
Foda-se os pilantra, quem fecha, fecha, senão se adianta, não se espanta
Nosso bonde tá fechado, tipo FARC, Colômbia
Cartel é fogo na bomba
Puta, não corta minha onda
Antes do chão chegar
Voando baixo indetectável pro radar
Eu sobrevoo e observo a Babylon queimar
Deixa queimar, taca fogo
Cartel pesado, incendiários, acabando com o jogo
Só Psycho Killer, One Shot, One Kill
Todos infectados, acidente de Chernobyl
Hipnose coletiva, aditiva, alucina
Aterrisando bem no alvo, o pescoço das menina

Refrão 2x:
Hoje eu vou pular
Queda livre
Hoje eu vou voar
Nesse beat
Hoje é pra zuar, pode chamar elas pra cá
Sem ter hora pra acabar, é o Cartel que tá no ar

(Delarima)
Só suicida
Da pista bandida, cidade perdida
O bonde é pesado, atividade, aditivado
A rua te acolhe, depois te engole
Só mais um gole então fica ligado
Pique Scarface, dente trincado
Disparos no sosa no frank e no mel
Ta formado, Cartel bolado
Então se joga, se arrisca na pista sinistra
Porque pra chegar, onde quer chegar
Vagabundo aqui não pisca
As gata se rabisca de grife de estilista
Elas sabem seduzir pra encantar quem ta na pista
Então vem gata, linda e perfumada
Bebendo Ciroc, sente a Glock e a pegada
Chama as amigas pra fumar um purple haze
Cola com o bonde pra viver um filme de Scorsese
Sou Double X¹ Saint Blaise
Lido, Sicilia na habs²
Tem vários parceiros fiés
Só ta faltando um Rolex, e uma BM5X
Uma cobertura no Arpex
As mina portando bonés
No mundo são vários rolés

(Darryu)
Voando bem alto, sente o timbre
A queda é livre, mas sem medo, gata peça seu último drink
Exala, perfume inala, o de costume trava
Acende um cigarro traga e me traga as nota
Cartel reforçado é foda
São 6 carga de 50 e 200 grama de droga
Na escolta faz fumaça na rota
Um escolta, outro enquadra
As mina de cartela na mini saia
Me diz quem é… 
Suicídio, lisergia, tudo junto nas batida
CARTEL
Me diz quem é… 
Paga caro o preço por ser frente de guerrilha
CARTEL
Me diz quem é… 
Suicídio, lisergia, tudo junto nas batida
CARTEL
Me diz quem é… 
Paga caro o preço por ser frente de guerrilha
CARTEL

Refrão 2x:
Hoje eu vou pular
Queda livre
Hoje eu vou voar
Nesse beat
Hoje é pra zuar, pode chamar elas pra cá
Sem ter hora pra acabar, é o Cartel que tá no ar

¹Double X quer dizer duplo x que significa 20 de vigésimo distrito de Paris e Saint Blaise era o nome do conjunto habitacional onde Delarima morava
²Prisão em Árabe

Não perca mais nenhum post!

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

*