Neurotico de Guerra - Filipe RET

RAP do Rio de Janeiro mais uma vez em alta. Se você nunca ouviu falar de RET, não iremos criar um grande caso, mas você deveria colocar seus ouvidos do RAP em dia.

Quantas vezes já falei aqui sobre a diversidade no RAP Brasileiro? Nem eu sei! Mas a verdade é que estão surgindo rappers de qualidade em todos os cantos do Brasil e muitos possuem um diferencial marcante em seu RAP.

RET faz um som um pouco mais melódico do que o “tradicional”, com uma pitada de reggae, se me permitem dizer. Além da qualidade da letra, a música dele é daquelas boas de escutar, pra pensar e relaxar.

E, por favor, não fiquem de preconceito contra o discurso sobre legalização da maconha, pois o rapper tem muito mais do que isso a acrescentar.

Em “Neurótico de Guerra“, RET conta com o beat de Mãoli. Aliás, por mais que o som tenha sido lançado em nome do MC, os dois juntos compõem o duo “Numa Margem Distante“.

O clipe é daqueles simples: câmera, MC, grupo de amigos e alguns cenários comuns. Entretanto, em nenhum momento as imagens ficam chatas e o vídeo maçante.

Isso se deve principalmente pela qualidade das imagens e não necessariamente na parte tecnológica, mas mais pelo bom trabalho do Kenzo Giunto na edição e direção.

Claro que a qualidade do som ajuda muito apreciação do conjunto da obra, mas as tomadas e as transições entre as imagens dão um ritmo bom ao trabalho.

RET deu a entender de que deve vir um novo clipe em breve, talvez da música “Libertários Não Morrem“. Torcer pra que venha mesmo e com qualidade semelhante a este, ou melhor.

Não perca mais nenhum post!

2 Comments

  1. Muito loko o som do Ret, muito massa msm, d coração msm so tenho a desejar d td bom pra ele, muito sucesso e glória, é mais um q num deixa o rap em decadencia aki no brasil Salveeeeee Ret

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

*