A poesia nunca esteve tão próxima das crianças como no projeto “Poesia contra a violência”. O poeta Sérgio Vaz adentra as escolas e oferece aos jovens uma forma muito mais bonita de extravasarem seus sentimentos.

A poesia não é uma anomalia nos ensinamentos do MEC. Na verdade, é bastante presente. Mas, é um conteúdo distante para maioria dos pequenos, seja pelo vocabulário rebuscado ou pelos temas abstratos e muito profundos.

Assim como o RAP, a poesia e a literatura marginal são simples e diretas; falam sem muitas enrolações, papo reto mesmo. Por isso, tanta gente nas quebradas é fã de poesia e muitas vezes não sabe.

Sérgio Vaz quer mudar esse desconhecimento e nada melhor que ir na raiz. Só nessa última semana, ele já esteve na EMEF Celia Regina, EE Isaí Leirner e EMEF Geny Pussinely, cada uma com uma história diferente para contar.

E não é apenas uma apresentação do poeta, mas um incentivo a todos mostrarem também suas poesias e outros trabalhos realizados. Um pequeno gesto com imensuráveis consequências!

Não perca mais nenhum post!

Qual a sua opinião?

2 Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*