A rixa entre Zap-san e Projota ganhou mais um capítulo nesta quarta-feira (28), quando o primeiro lançou a música “Foco no cifrão (M.O.T.H.A.F.O.D.A.)” em resposta a um freestyle do segundo.

Saiba mais:
– Depois de invadir palco, Zap-san explica briga com Projota;
– Sem Projota, Zap-san versa sobre a briga em nova versão de “Frases”.
– Depois de confusão com Projota, Zap-san lança cópias físicas de CD;

Senta que lá vem história. Depois que o Zap-san foi retirado do palco após tentar agredir o colega, Projota continuou o show com uma sequência de versos improvisados. Como era de se esperar, ele deferiu todo tipo de agressão verbal (vídeo abaixo).

Mesmo que tenha citado o ocorrido, Zap-san não pareceu dar muita bola em um primeiro momento. Afinal, ele corria pra lançar a nova versão da música “Frases” (sem o Projota) e, consequentemente, novas cópias físicas do CD “A importância disso”.

Em “Foco no cifrão (M.O.T.H.A.F.O.D.A.)”, entre outras coisas, ele desmente que pediu para abrir mão de direitos autorais, questiona a carreira do outro sobre gravações com Luiza Possi, Strike e o novo clipe com a Anitta, e afirma: “não sou o novo Cabal, nem o novo Nocivo [Shomon] / mas pode me chamar de novo inimigo.”

Faça o download oficial de “Foco no cifrão (M.O.T.H.A.F.O.D.A.)”.

A produção musical é de Gabriel Nobre.

Abaixo cê confere a letra da música “Foco no cifrão (M.O.T.H.A.F.O.D.A.)”:

Zoio gordo, arrogante, idiota,
jogador, mentiroso, a resposta
pensou que eu tremeria, que eu me calaria ou me borraria
vendo aquele freestyle de bosta (peido)
ouvi sua proposta… e aceitei mas me cansei de esperar
cê vai colar aqui que horas?
cobrar aquela treta se imponha “preto do gueto”
matou o Ndee Naldinho de vergonha
que ideia de playboy essa
com o microfone tirando sarro de quem tá fora da festa
é o que resta pra você
falar de covardia atacando quem não tá lá pra se defender
ficou fácil de ver 
quem é o falso agora, suas contradições tem de sobra pra dar e vender
todo mundo assinou o mesmo documento só não, 
quem tava preocupado o que isso ia render

REFRÃO
Seu foco é no cifrão, não vai me convencer
discursos, falso perdão… cuzão vai se foder
falso profeta, puto, vendido, magnata
põe olho gordo em tudo, faz os irmãos de escada
pra subir
seu foco…

…Foi um soco no baço da esperança dum sonho de criança
de poder pegar na mão o primeiro CD
e um tombo vale como experiência 
eu vi nessas andanças, que há muito mais ganância do que proceder
os bastidores são sujos, novinho, pobres meninos
nem sonham o que acontece ali
falsos profetas com microfones, 
não passam de atores que se julgam MC’s
Cena infeliz, que cobra a minha postura, eu reconheço e peço desculpas, 
perdão ao movimento na moral
Agora uma pergunta, 
por que não cobram meus dois beats que ele usa e nunca me deu um real
mentiu na cara dura
meu documento não pedia pra ele abrir mão de direitos autorais
xingou minha mãe de puta, 
esse otário aí mal sabe que ela é doente e tem problemas mentais!

REFRÃO
Seu foco é no cifrão, não vai me convencer
discursos, falso perdão… cuzão vai se foder
falso profeta, puto, vendido, magnata
põe olho gordo em tudo, faz os irmãos de escada
pra subir
foco no cifrão!

Processo é lento só com quem é gueto
desmerece o nosso movimento, outros tem tratamento VIP
Luisa Possi, Strike óh que fita
Anita? ontem musica, hoje essa porra já até tem vídeo clipe
Age como político, usa a plebe, consegue, se elege e depois se esquece dos raquíticos
Paulo Maluf do Rap sua rima fede, 
odor de mentira é o cheiro do seu conteúdo lírico
cínico mete o loko
nesse seu pode se envolver, pagando bem, faz até quadradinho de oito
não é inveja do seu círculo 
mais que pegadas, cê cagou no chão, ridículo
eu só me envergonho desse vínculo
fica com os beat aí de esmola, essa é minha doação pra rico
Não sou o novo Cabal nem o novo Nocivo
mas pode me chamar de novo inimigo.

REFRÃO
Seu foco é no cifrão, não vai me convencer
discursos, falso perdão… cuzão vai se foder
falso profeta, puto, vendido, magnata
põe olho gordo em tudo, faz os irmãos de escada
pra subir
foco no cifrão.

Não perca mais nenhum post!

Qual a sua opinião?

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*