Sábado, dia 23 de julho, rolou um show com a Nathy MC, no Boteco Marechal, aqui em Blumenau/SC. Além de Nathy MC, a noite ainda teve DJ Andre Heat, DJ Nathan Romanos e MC Paulista.

Nathy MC - Boteco Marechal/Blumenau-SC

Vou ser sincero com vocês, não conhecia muito o som da Nathy MC. Conhecia a música “Lágrima da Voz, com participação do Emicida, e também a música “A Dama e o Vagabundo“, participação do Ogi. Achava da hora as duas, mas não sabia mais nada sobre a MC… ah, só que ela é de CWB. E só! É verdade, fui muito desarmado pro show. Troquei uma ideia com uns cara que ouvem RAP aqui da cidade e eles também me falaram das duas músicas, não conheciam mais. Fiquei preocupado…

Claro, na teoria não ganho nada se o show encher ou esvaziar. Mas a prática é muito diferente. Os caras tão começando a investir no RAP aqui na cidade e um show “vazio” seria uma dúvida a mais levantada para uma próxima. Em meio a tantos pés atrás que têm em relação a promover o RAP, esse não podia ser mais um!

Quando cheguei lá a casa tava totalmente vazia. Tudo bem, era passagem de som e realmente era pra casa estar vazia, mas só aquela imagem já me deu um arrepio e várias fitas passaram na minha cabeça: “Será que vira?”. Fiquei com esse pensamento, com essa ansiedade e um poquinho de medo até uma 1h da manhã. Ali eu pude dizer: “Vira!”. Não vou mentir e dizer que a casa lotou totalmente e não tinha lugar pra andar, mas posso dizer que tinha um puta de um bom público. Blumenau não conhece Nathy MC? Olha, parece que conhece!

Pediram Nathy MC? Ótimo, porque ela chegou (sim, eu sei, muitos já devem ter feito esse trocadilho)…

Junto com o DJ Soares, Nathy MC apresentou um ótimo show. Sempre simpática, a MC tirou fotos e trocou ideia com quem chegasse pra conversar. No palco, adequou seu som ao público presente e realmente animou a festa, marcando presença.

Aliás, ao falar em animar a festa e marcar presença, não podemos esquecer a homenagem feita pela Nathy à Amy Winehouse, que havia falecido naquele mesmo dia. A MC cantou a música “Lágrimas da Voz” com a base de uma música da Amy:

O RAP Brasileiro e até o mundial é um espaço predominantemente masculino. Pode parecer um pouco estranho ver mulheres rappers, mas, felizmente, muitas delas têm surgido e com um talento incrível. É o caso, por exemplo, da Nathy MC, que se apresentou sábado no Boteco Marechal, e da Flora Matos, que se apresentará no dia 06 de agosto na mesma casa.

Em meio a tantos vagabundos, como os próprios MCs muitas vezes se referem a eles mesmos, a dama Nathy MC conseguiu seu espaço que vai aumentando cada vez mais. Até nas parcerias com grandes nomes do cenário Brasileiro como Emicida e Ogi, ela não fica devendo nem um pouco pra eles. E não é só ginga não, as letras são muito boas!

Pra acabar a noite do RAP, o MC Paulista, residente da casa e um bom nome que surgiu na cidade, cantou algumas de suas músicas.

#vaiRAP

Não perca mais nenhum post!

Qual a sua opinião?

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*